Blog

  • Botox pode auxiliar no tratamento de doenças

    blog chisostomo

     

    O Botox é um dos procedimentos mais buscados para combater os efeitos do tempo, mas ele também pode ajudar no tratamento de oito problemas de saúde, veja quais são e de que forma o Botox auxilia.


    Bexiga Hiperativa – Idiopática e Hiperativa
    O problema é uma condição onde a bexiga tem contrações indesejadas sem controle, sem ser no momento adequado, quando a pessoa se encontra no banheiro com a bexiga relativamente cheia. O paciente com este problema sente vontade de ir ao banheiro a todo momento e se o corpo não for “atendido” a pessoa pode não conseguir segurar a vontade e urinar nas roupas. Pode ser uma das causas da incontinência urinária.
    Nesta situação o Botox age diretamente no interior da bexiga, fazendo com que haja inibição das contrações involuntárias do órgão. Os estudos clínicos mostraram que o Botox reduziu em mais de 50% os episódios de incontinência urinária diária (escape) e melhorou outros sintomas, como urgência, frequência da micção e volume miccional, em pessoas com bexiga hiperativa idiopática (quando não se sabe a causa do problema).

    Acesse o nosso conteúdo gratuito sobre Botox e tire suas dúvidas!


    Blefaroespasmo
    É a contração sustentada dos músculos ao redor do olho, causando o fechamento ocular e a dificuldade na abertura, levando a problemas de visão funcionais e até incapacidade para atividades rotineiras. O Botox, neste caso, enfraquece os músculos que fecham os olhos, ficando mais fácil a capacidade visual, além de melhorar a estética.


    Espasmo Hemifacial
    O problema causa movimentos anormais na metade do rosto, gerando repuxamento e fechamento de olho. O Botox é utilizado para enfraquecer tais músculos, para conseguir uma redução dos movimentos e efeito de simetria facial.


    Estrabismo
    Condição que causa um desalinhamento de um olho em relação ao outro. Para que a pessoa enxergue normalmente é preciso que os dois olhos estejam direcionados para o mesmo foco. O Botox, neste caso, é injetado no olho que possui desvio, para relaxá-lo.


    Hiperidrose (transpiração Excessiva)
    Algumas pessoas sofrem com suor excessivo nas axilas, mãos e pés. Há quem sue nos três locais, de forma intensa. O Botox paralisa as fibras que promovem a saída do suor das glândulas sudoríparas.


    Cada caso exige um tratamento, é importante que seja feito um acompanhamento antes de fazer a aplicação. O Botox além de auxiliar na estética, contra rugas e marcas, pode ser um grande aliado do nosso organismo!